Para utilizar las funcionalidades completas de este sitio es necesario tener JavaScript habilitado. Aquí están las instrucciones para habilitar JavaScript en tu navegador web.

Nadando contra o plástico em Rapa Nui

Neste Dia Internacional da Mulher, queremos compartilhar a história de Sarah Ferguson, a ativista que busca conscientizar sobre o impacto dos plásticos no oceano.

A sul-africana vai nadar durante este mês os 65 quilômetros do perímetro da Ilha de Páscoa. Um feito que visa alcançar em 24 horas e cujo objetivo final é conscientizar sobre o acúmulo de plástico e a geração de resíduos plásticos neste destino. Além disso, ela se tornará a primeira pessoa a nadar arredor da ilha.

Rapa Nui não só tem de lidar com a gestão dos seus próprios resíduos, mas também com o plástico que chega por meio do oceano de outras partes do mundo. “Minha paixão pela proteção dos oceanos e reabilitação deles é uma tremenda motivação que alimenta esse sonho”, diz a atleta e fundadora da Breathe Conservation, uma organização que, juntamente com Plastic Oceans Chile, organizou o desafio da nadadora em Ilha da Páscoa.

A campanha também considera outras atividades ligadas à preservação da Ilha de Páscoa. Dias de limpeza de praias na ilha e de educação sobre a situação ambiental de Rapa Nui são algumas dessas atividades.

Reciclagem no Explora Rapa Nui

Além de minimizar a produção de resíduos evitando o uso de recipientes descartáveis, trabalhamos com o Centro de Reciclagem Orito, onde são reciclados os resíduos de plástico, vidro, papelão e latas que utilizamos.

Toda a água que é bebida nas proximidades do hotel, é servida em garrafas de vidro e alumínio, evitando assim o uso indiscriminado de garrafas plásticas.

Fuente: El Mostrador.


Load: 96 queries - 292ms - 23.3MB - 1233 cache hits / 1338
Query: 112 queries - 373ms - 24.1MB - 1401 cache hits / 1519
Display: 309 queries - 710ms - 28.5MB - 5025 cache hits / 5331